5 Erros na Contratação de Vendedor

Enquanto o gestor encarar a contratação de vendedor como consequência da demissão, a conclusão será óbvia: uma equipe lotada de vendedores medíocres. E sabe por que isso está predestinado a acontecer?

Porque a pressa é inimiga da perfeição, meu amigo. Quando você tem um vendedor a menos na sua equipe, mesmo que ele não seja bom de vendas, se trata de um cliente a menos sendo atendido em sua empresa. Isso gera afobação.

O gestor quer correr contra o tempo e acaba cometendo os maiores erros na hora da contratação: aceitando os dois principais perfis errados de vendedores para sua empresa!

“Thiago, mas quais são esses perfis errados de vendedores?”. O primeiro é, sem dúvidas, o cara que tem empatia, que se diz bom de vendas. Mas a sua experiência a vida toda foi como balconista ou atendente.

Quero deixar claro, novamente: atender é muito diferente de vender. Então, se acha que esse cara só vai precisar da empatia para conseguir fechar bons negócios, você está completamente enganado. Vendas é ciência e você precisará dedicar muitas horas para ensiná-lo.

O outro erro que você não pode cometer é contratar gente que não pode demitir. Sempre tem aquele primo sem experiência que está tentando ingressar no mercado de trabalho. Na verdade, contratar pessoas da família custa muito caro. Porque se essa pessoa não for boa de serviço, não entregar os resultados que você precisa, você nunca se sentirá liberdade para demitir.

Então, esse é um vídeo para mostrar que você só terá uma equipe de vencedores, se for sábio nas escolhas e não cometer nenhum dos cinco principais erros na hora da contratação. Inscreva-se no meu canal para receber dicas para alcançar resultados nunca antes visto com a sua equipe.