Eu já digo e repito: o departamento de vendas é o motor que alavanca a empresa. Porém, os resultados desta empresa estão diretamente ligados à maneira como os vendedores chegam aos seus clientes. Por isso, é tão importante investir em canais de vendas que se conectam com o público para desenvolver os negócios. 

Dessa maneira, um bom gestor precisa entender que se o cliente está inserido em novas mídias, a empresa também precisa estar. Então, a escolha dos canais de vendas ideais para sua empresa será um grande desafio para você, caro gestor, cara gestora. Lembrando que os canais precisam visar a efetividade dos processos de vendas e o impacto nos resultados, além da comunicação entre empresa e cliente. 

Existem diferentes canais digitais e eu vou te ajudar a escolher a ferramenta que mais se encaixa no seu negócio. Para isso, vou te apresentar 5 canais de vendas digitais que mais se destacam no mercado. 

Canais de vendas: o que são?

Canais de vendas são formas de comunicação que uma empresa utiliza para levar seus produtos e serviços aos seus clientes com a finalidade de fechar uma venda. Ou seja, é o canal por onde sua empresa comercializa seus produtos, tanto online (site, redes sociais) quanto offline (loja, telemarketing). 

Por meio dos canais de vendas, o público tem contato com o seu negócio e, consequentemente, a empresa atrai novos clientes que têm interesse em comprar. Os canais de vendas, principalmente os digitais, são excelentes ferramentas de marketing e publicidade, mesmo quando sua empresa ainda não atingiu o estágio para venda. 

Aliás, em 2016, a Endeavor lançou a pesquisa Desafios dos Empreendedores Brasileiros e revelou que 1 em cada 5 empreendedores identifica os desafios de marketing como uma das sua maiores dores na empresa.

Sendo assim, é imprescindível utilizar um canal de venda que se relacione com o seu público. Para investir em canais de vendas, é necessário ter alguns requisitos bem definidos:

  • Um produto ou serviço bem estruturado;
  • Conhecimento dos atributos dos seus serviços na ponta da língua;
  • Uma comunicação bem alinhada. 

Dessa maneira, o canal de vendas torna-se uma ferramenta de suporte para o vendedor que, além de utilizar das técnicas de persuasão para não perder nenhum negócio, também terá um canal de comunicação sólido com o seu cliente em potencial. 

Mas com tantos canais de vendas digitais disponíveis, você deve estar se perguntando como escolher o canal que mais se encaixa na necessidade da sua empresa, não é mesmo? 

Canais de vendas digitais: Como escolher? 

A lista de opções de canais de vendas digitais disponíveis é extensa, mas você, gestor, não precisa escolher um e ficar apenas com ele. Pelo contrário, você tem a possibilidade de expandir seus negócios ao máximo adotando 2 ou mais canais. 

No entanto, um grande erro nesse caso é querer estar em mais canais de vendas que o seu time de vendedores consegue dar conta. Com isso, é preciso entender qual canal funciona melhor e traz mais resultados para sua equipe. 

Eu aposto num bom planejamento de estratégia para compreender as vantagens dos canais de vendas para sua empresa. A seguir, eu dou algumas dicas para te orientar nesse trabalho: 

  • Defina bem seu produto: O que eu vendo e por quê?
  • Defina bem seu público: Para quem eu vendo?
  • Defina os locais: Onde o meu público está?
  • Defina os meios: Que caminhos levam até o meu público?

A 3ª Pesquisa Nacional de Varejo Online realizada em 2016 pelo Sebrae em parceria com o E-commerce Brasil, apontou que empresas de pequeno porte tem feito grande parte de suas vendas online: 53% delas usam o e-commerce puro e 47% delas usam o e-commerce misto. 

Podemos concluir com isso que essas empresas encontram o seu público no meio online, dessa maneira, elas investem em canais de vendas digitais para fechar negócios. Ou seja, a modernização do comércio modificou as transações, refletindo na maneira como são realizadas as vendas, atualmente. 

Por isso, é fundamental que as empresas tenham canais digitais para atingirem uma maior exposição de seus produtos e serviços, com o objetivo de alcançar o público onde ele estiver. 

Aqui, eu vou explicar 7 canais de vendas digitais e como eles podem influenciar (e muito) os resultados da sua empresa: 

  1. E-commerce
  2. Mobile commerce
  3. Marketplace
  4. Redes Sociais
  5. Email marketing
  6. Google Adwords
  7. Programa de afiliados

Lembrando que existem canais de ferramentas offline que funcionam muito bem se a sua empresa não está inserida no meio digital. Você pode preferir utilizar a loja física, os distribuidores ou as franquias como meio de atingir o seu público. No entanto, vou focar na expansão online e suas influências no comércio. 

1 – E-commerce

O e-commerce nada mais é do que uma loja virtual onde você pode reunir seus produtos a um preço mais baixo do que no mercado, pois os custos para o empresário são menores.

Segundo dados do E-commerce Brasil, o e-commerce tem crescido bastante e se estendeu para produtos de valor elevado, diversificando as categorias. Como resultado, o consumidor começou a adquirir o que quiser no meio online, sem restrições aos produtos.

Atualmente, uma empresa precisa ter um canal de venda na internet, além da loja própria. As vendas online no país deve crescer 16% em 2019 em relação ao ano anterior, com volume de vendas estimado em R$79,9 bilhões.

No vídeo abaixo, eu conversei com o mestre em vendas Alfredo Soares sobre a utilização do e-commerce nas vendas: 

2 – Mobile commerce (m-commerce)

O m-commerce inclui os aplicativos para smartphones que propõe ao consumidor uma nova jornada de compra, muito mais veloz e com chance de interação de celular para celular. Isso porque percebe-se que os celulares viraram a porta de entrada dos consumidores para o mundo virtual. Com isso, é evidente que grande parte das compras também acontecem através dos celulares.

Canais de vendas digitais: m-commerce

Os empresários de loja virtuais identificaram que o número de usuários que realizavam compras pelo smartphone só aumentava. Porém, seus sites não estavam adaptados para esse tipo de transação, frustrando os consumidores. Dessa maneira, o m-commerce foi caracterizado pelas compras realizadas pelo intermédio celulares via aplicativos

Segundo a plataforma de análise e gestão de vendas para o Mercado Livre, a Real Trends, as vendas m-commerce representavam apenas 10% do volume total online, há 5 anos. Atualmente,elas já superam os 60% em muitos casos e eles esperam que esse número aumente ainda mais.

3 – Marketplace

O marketplace funciona como um shopping online que reúne produtos de diferentes categorias e marcas com o objetivo de ser um canal de intermediação entre consumidor e empresa. A grande pegada do marketplace é o seu grande alcance. 

Esse canal de vendas digital é interessante para empresas que não tem um site próprio (por não ter verbas suficientes e nem equipe para gerenciar), mas que precisa expor seus produtos ou serviços para aumentar a visibilidade junto ao seu público. 

Quando você escolhe o marketplace para expor seu produto, você tem a certeza que você alcançará mais pessoas, uma vez que ele será mostrado em grandes mídias de vendas. Dessa maneira, a sua empresa se beneficia de uma estratégia de marketing inteligente e eficaz. 

4 – Redes sociais

Hoje em dia, as empresas entenderam que a mudança de hábitos de consumo do seu público influencia a maneira como elas realizam vendas. Dessa maneira, estar presente nas redes sociais é quase uma obrigatoriedade para fechar mais negócios. 

Eu posso citar 5 motivos para te convencer disso:  

  • Seu negócio terá mais exposição;
  • A rede social cria um canal de comunicação com o cliente;
  • Sua marca terá uma “personalidade” de identificação;
  • Ações de marketing serão feitas;
  • Seu produto estará ao alcance de seus clientes.

O Facebook e o Instagram possuem integração direta com outros canais assim como lojas virtuais e marketplace. Dessa maneira, além de fazer a publicidade do seu serviço, a rede social também possui ferramentas de vendas. Ou seja, quando você clica no link da página institucional de uma empresa, você é redirecionado à página de checkout do produto. Simples, não é mesmo?

Canais de vendas digitais: redes sociais

Eu acredito que o uso das redes sociais como canais de vendas digitais é uma maneira rápida e descomplicada de atingir seu público e convertê-los à clientes. Isso porque essa estratégia gera um fluxo de pessoas interessadas a realizar a compra. 

No vídeo abaixo, eu bato um papo com Fernando Vaz, um mestre em vendas no Instagram:

5 – Email marketing

O email marketing é uma estratégia digital, na qual, as empresas se comunicam com seu público através de diferentes ciclos de abordagens. Além disso, o email marketing permite que você eduque essas pessoas para se tornarem futuros clientes. 

Quando esse consumidor conhecer seu produto e já estiver familiarizado com seus benefícios, ele se sentirá pronto para realizar a compra. Nesse momento, o email marketing se torna uma ferramenta de abordagem mais direta, respeitando o tempo certo do processo de compras.  

Quer aprender como redigir um bom email para vender mais? Assista o vídeo que preparei para você, abaixo:

6 – Google Adwords

O Google Adwords é uma ferramenta que permite que os produtos apareçam em diferentes estratégias de publicidade da Web. Ou seja, através dela, você aumenta o alcance dos seus produtos ou serviços, atingindo mais pessoas e conversões. 

O Google Adwords oferece 2 categorias de anúncio: 

  • Rede de Display: seus produtos são anunciados dentro de banners e carrosséis em páginas populares da internet que possuem relação direta à segmentação do seu público;
  • Rede de Pesquisa: seus produtos são apresentados nos primeiros resultados da pesquisa do Google. 

Se você vende mala de viagem e alguém fizer uma busca por viagens, o seu produto aparecerá na primeira página de resultados de pesquisa, no Google. Ou seja, a sua empresa estará se comunicando diretamente com um público segmentado. 

7 – Programa de afiliados

O programa de afiliados possibilita a ampliação do alcance dos seus produtos através de agentes que atuam como verdadeiros vendedores online. Como isso acontece?

Nesse programa, os afiliados distribuem links de venda de diferentes produtos da empresa, promovendo a marca. Como resultado, o seu produto ou serviço atinge um público amplo de forma mais objetiva. 

E o que o afiliado leva nessa história? O afiliado recebe uma comissão por cada venda realizada por meio do seu link. Para o seu negócio, essa ferramenta é interessante dentro de uma relação comercial, caso o afiliado tenha uma grande influência digital, muitas vendas podem ser fechadas.

Aqui, você aprendeu sobre os canais de vendas digitais e como você pode utilizá-los de maneira a abrir caminhos à novos clientes e otimizar suas vendas em diferentes meios.

Gostou do conteúdo e quer saber mais sobre diferentes canais de vendas? Meu nome é Thiago Concer, tenho mais de 20 anos de experiência na áreas e garanto que falo a mesma língua que você, caro vendedor / cara vendedora. 

Para ficar por dentro de todas as novidades no universo das vendas, não esqueça de acessar minha página de produtos, tenho certeza que há um específico para o seu objetivo.