Produtos sazonais: aprenda como vender o ano todo!

Produtos sazonais

Fala meu amigo gestor e minha amiga gestora. Tudo bem com você? Primeiro, deixa eu me apresentar, meu nome é Thiago Concer, o palestrante de vendas mais contratado no Brasil nos últimos 3 anos consecutivos.

Sou também o líder do movimento #OSV Orgulhos de Ser Vendedor, que busca compartilhar informações sobre a profissão de vendedor, aquela que move o mundo. Meu papo com você hoje é sobre produtos sazonais. Vou te ensinar algumas dicas e técnicas para ajudar sua empresa a vender estes produtos o ano todo. Acompanhe comigo!

O que são produtos sazonais?

Vou começar definindo para você o que exatamente são produtos sazonais. No dicionário, sazonal significa “algo que é temporário”, e essa definição é perfeita para nos ajudar a definir o que são os produtos sazonais. Eles são aqueles produtos que possuem uma venda muito maior em uma época do ano, e que tendem a vender menos em outros momentos. Sendo assim, as empresas que trabalham com produtos sazonais precisam enfrentar algumas dificuldades únicas. Mas vamos começar definindo quais os fatores mais comuns que tornam um produto sazonal:

– Temperatura/estação do ano: Um dos principais fatores que faz um produto ser sazonal é a estação no ano e a temperatura. Estilos de roupas, como sungas e biquínis são vendidos apenas no verão, enquanto casacos e gorros só serão vendidos no inverno. Isso vale também para o setor de alimentos. Um dos exemplos mais claros aqui é o sorvete que tem seu pico de venda durante as estações mais quentes e produtos como sopas, caldos e até mesmo o fondue que são mais comuns no inverno e em lugares mais frios.

– Eventos esportivos: Alguns eventos esportivos maiores, como Copa do Mundo e Olimpíadas podem fazer com que determinados produtos se tornem sazonais. E aqui não estou falando só das camisas oficiais do Brasil, mas todos os outros produtos que acompanham o torcedor, como cornetas, bandeirinhas e outros itens para decoração.

– Datas comemorativas: Produtos sazonais também são comuns em datas comemorativas. Alguns exemplos bem claros são os panetones que sempre aparecem em datas como o Natal. Outro exemplo é o grande movimento das floriculturas em datas como o dia das mães e o dia dos namorados. Alguns destes produtos são vendidos de forma mais expressiva durante estes eventos e sua venda cai muito no resto do ano.

Estes foram alguns dos principais acontecimentos que fazem com que os produtos se tornem sazonais. Agora eu vou apresentar para você algumas dicas para que sua empresa continue vendendo, mesmo fora da temporada.

Vendendo produtos sazonais fora de temporada

Primeiro meu amigo gestor, é importante entender qual o motivo torna seu produto sazonal. Será que o principal motivo é a temperatura, ou as pessoas não tem o hábito de consumir sorvete no inverno? Com este fator definido você deve começar a aplicar as dicas a seguir e “contornar” a sazonalidade de seu produto.

– Pense fora da caixa e reinvente seu produto: Depois de definir o motivo de seu produto não ser comprado em determinada época, é hora de criar soluções para quebrar esta barreira. Identifique novas oportunidades de utilizar o seu produto e crie novas aplicações para ele. Uma empresa especializada em venda de biquíni por exemplo, pode identificar que muitas mulheres fazer bronzeamento artificial durante o fim do inverno, para chegarem no verão com a cor desejada. Fazer uma parceria com alguém que fornece este tipo de serviço pode ser uma boa opção.

Por isso, além de identificar as dificuldades de vender seus produtos sazonais fora da temporada, observe também quais as principais características dele e crie novas utilizações para o mesmo.

– Expanda sua linha de produtos: Se sua empresa sofre muito com os produtos sazonais, talvez esteja na hora de ampliar seu mix de produtos. Empresas que vendem jaquetas por exemplo, podem começar a produzir coletes e outras peças de roupa mais frescas, para tentar driblar a sazonalidade. Identifique quais produtos podem ser anexados ao seu mix e comece a introduzir cada um deles aos poucos para verificar a viabilidade.

–  Promoções específicas para a baixa temporada: Talvez uma promoção mais agressiva seja uma boa opção para limpar o seu estoque do ano passado e comprar novas mercadorias para sua época de maior venda deste ano. Faça um planejamento adequado e veja até onde pode chegar o desconto oferecido.

–  Prepare sua empresa para os meses da temporada: Se sua empresa tem o principal foco de vendas em apenas 3 dos 12 meses do ano, eles precisam valer muito a pena! Por isso prepare seu estoque comprando a quantidade de produtos adequado, organize sua comunicação para que seu consumidor lembre da sua empresa e mais do que tudo, prepare muito bem sua equipe de vendas!  É importante relembrar amigo gestor, que o vendedor precisa ser motivado no período anterior ao maior volume de venda, por isso um treinamento com um profissional renomado vai ajudar seu vendedor a bater todas as metas!

• Planeje tanto para o período de venda intensa, quando para a baixa temporada: Se você já acompanha meu blog e meu canal do YouTube, sabe da importância de um bom planejamento. Especialmente se seus produtos sazonais representam uma grande parte do faturamento da sua empresa. Neste caso é importante você identificar o quanto deverá ser vendido no resto do ano para manter sua empresa lucrando e fazer ações para converter essas vendas.

Como você pode perceber, não existe uma única solução para diminuir o problema dos produtos sazonais, o importante é entender as fraquezas e principais características de seu produto e planejar para que sua empresa venda bem durante o ano todo!

Neste texto meu amigo, falei para você dos principais eventos que podem tornar um produto sazonal, incluindo datas comemorativas específicas, temperatura e até mesmo grandes eventos esportivos. Depois eu contei para você algumas das principais práticas para minimizar o efeito desta sazonalidade em seu negócio, incluindo a possibilidade de fazer promoções, utilizar seu produto para outros fins e até expandir seu mix.

Obrigado por me acompanhar até aqui e me ajudar a difundir ainda mais o movimento #OSV Orgulho de ser vendedor. Não deixe de acompanhar o meu canal no YouTube e também minhas redes sociais!

Forte Abraço!