Quando eu quero transformar uma equipe em vendas multiplicadores de prosperidade, é isso que eu faço
Publicado em jul 5, 2023
por Thiago Concer

Fala, monstro! Thiago Concer aqui. Em um mundo cada vez mais competitivo, ser parte de uma equipe de vendas vencedora não se resume apenas a vender mais. Uma gestão eficiente de equipes de vendas prioriza não apenas a quantidade, mas também a qualidade das vendas, enquanto mantém um olhar atento para a saúde financeira da empresa.

No entanto, é importante refletir sobre o seguinte questionamento: a sua equipe está se esforçando para ser vencedora ou ela já é uma equipe vencedora? Surpreendentemente, cerca de 90% do sucesso das vendas em uma empresa é atribuído ao gestor de vendas.

O que uma gestão eficiente de vendas tem?

Uma gestão de equipes de vendas eficaz deve ser fundamentada na prospecção, estimulando a equipe a buscar consistentemente novos clientes de forma gradual e estratégica. Além disso, o gestor deve ter controle sobre o funil de vendas, monitorando a entrada de leads através da prospecção e quantos deles se convertem em clientes.

Uma equipe de vendas vencedora demonstra consistência em seu desempenho ao longo do tempo, evitando oscilações nos resultados. Vender bem em um mês e, no próximo, apresentar resultados medíocres não é suficiente.

Mas quais são as características que um gestor de vendas deve desenvolver para impulsionar a equipe e alcançar o sucesso? O gestor de vendas é, na verdade, um gestor de recursos humanos. É essencial que ele seja justo com a equipe, cobrando resultados, mas também fornecendo os recursos necessários para que a equipe os alcance.

Estabelecer regras de controle e chegar a um acordo com a equipe sobre o que é negociável e o que não é são práticas importantes. Em relação ao estilo de liderança, o gestor de vendas deve ter em mente que sua profissão é, essencialmente, persuadir os membros de sua equipe a alcançarem resultados excepcionais. É fundamental cuidar do processo de seleção, priorizando profissionais que possuam o perfil mais adequado para a equipe.

Se você é um gestor ou está envolvido com negócios, precisa prestar atenção no que tenho a dizer. Afinal, “O GESTOR QUE ENTENDER ISSO AQUI NUNCA DEIXA DINHEIRO NA MESA”. Confira:

Existem 3 tipos de liderança: autocrático, democrático e laissez-faire

Existem três tipos principais de liderança na gestão de equipes de vendas: autocrático, democrático e laissez-faire. O líder autocrático controla todo o processo, tomando todas as decisões e, muitas vezes, não é bem recebido pela equipe. Por outro lado, o líder democrático busca ouvir a equipe e tomar decisões através de votação, considerando as preferências e até mesmo exigências da equipe.

Entretanto, o estilo de liderança situacional é considerado o mais eficaz. Esse líder adapta seu perfil (autocrático ou democrático) de acordo com a situação. Se uma decisão precisa ser tomada rapidamente, ele assume uma postura autocrática. Se a situação exige que a equipe compartilhe ideias, o gestor assume um papel mais democrático. Além disso, é essencial que o gestor seja justo e ético em suas decisões.

Embora a gestão de equipes de vendas apresente diversos desafios, é possível superá-los com as estratégias corretas. Depende de como você contrata. Como mencionado por César Frazão, “o lucro de uma empresa começa na contratação correta dos profissionais de vendas”. Identificar o perfil de cada colaborador da equipe e realizar um controle semanal dos resultados individuais são práticas importantes.

Desenvolvendo os treinamentos da equipe de vendas

Entre as dificuldades mais comuns na gestão de equipes de vendas estão o treinamento, o controle e a motivação.

Para lidar com esses desafios, é recomendado fazer perguntas individuais para a equipe, como “Por que o cliente prefere comprar da nossa empresa em vez do concorrente?” e “Por que o cliente que não compra da nossa empresa opta pelo concorrente?”.

Avaliar as respostas, alinhar a estratégia coletivamente e fornecer treinamento à equipe são medidas eficazes. Realizar simulações de vendas e ajudar a equipe a desenvolver argumentos e técnicas de vendas também são estratégias valiosas.

Identificar as principais dificuldades da equipe ao fechar negócios e ensiná-los a negociar e influenciar para obter vendas de qualidade são ações que impulsionam o sucesso.

É melhor ter um veterano experiente ou um jovem talentoso?

Ao contratar novos membros para a equipe de vendas, surge a dúvida: é melhor ter um veterano experiente ou um jovem talentoso? Em muitos segmentos, empresas estão contratando pessoas sem experiência, valorizando a oportunidade de treiná-las desde o início.

No entanto, ao lidar com uma equipe mais madura, é importante garantir que os veteranos não influenciem negativamente os profissionais menos experientes.

s veteranos podem ter dificuldade em se comprometer com mudanças, e seus hábitos antigos podem prevalecer. É mais fácil continuar fazendo o que já estão acostumados, alcançando os mesmos resultados, do que mudar e conquistar resultados melhores e maiores.

Você também pode gostar:

O mercado remunera resultados, não potencial

Em tempos de crise, é fundamental que a gestão de equipes de vendas esteja preparada para superar os desafios e encontrar oportunidades de crescimento.

Aquelas que adotam estratégias diferenciadas, como preços competitivos, entregas mais rápidas, lançamentos de produtos inovadores ou eventos de relacionamento, estão crescendo mesmo em tempos difíceis.

É importante compreender que poucos vendedores conseguem ganhar dinheiro com vendas porque o mercado remunera resultados, não potencial.

Portanto, é necessário buscar constância e crescimento gradual, evitando oscilações nas vendas. Ampliar a forma de pensar e adotar um novo mindset são essenciais. Se você deseja ganhar R$ 10 mil por mês em vendas, comece a se comportar como alguém que alcança esse resultado.

A autoestima baixa pode ser um grande problema, por isso é importante ter cuidado com profecias autorrealizáveis.

Equipes de vendas vencedora não aceita mediocridade em sua equipe

Uma gestão de equipes de vendas vencedora não aceita mediocridade em sua equipe. Criar um perfil ideal de vendedor e priorizar a contratação de profissionais

competentes são passos importantes. Controlar o funil de vendas da empresa, realizar simulações e treinamentos frequentes são práticas que ajudam a aprimorar o desempenho da equipe.

É crucial identificar os gatilhos de cada membro da equipe e manter um controle justo dos resultados, utilizando métodos e processos adequados. É fundamental lembrar que as vendas são uma ciência humana e que o sucesso depende das pessoas envolvidas.

Gostou do conteúdo? Não perca a oportunidade de aumentar seu aprendizado

Valorize sua equipe, seja justo em suas decisões e estabeleça metas claras e realistas. Lembre-se de que o gestor de vendas também é um gestor de recursos humanos e deve proporcionar um ambiente de trabalho motivador e inspirador, onde os membros da equipe sintam-se valorizados e encorajados a alcançar resultados excepcionais.

Por fim, desejamos boas vendas, sucesso contínuo e um ambiente de negócios próspero. Com uma gestão de equipes de vendas vencedora, é possível alcançar grandes conquistas e superar os desafios do mundo empresarial com determinação, ambição e excelência.

Agora é a sua vez de fazer parte dessa história de sucesso!

Acredite em seu potencial e nunca deixe de buscar o aprimoramento constante. Aproveite as oportunidades e trilhe seu caminho rumo ao sucesso como um profissional de alta performance.

Eu posso oferecer um treinamento especializado e personalizado de acordo com as necessidades da sua equipe comercial. Nós podemos trabalhar juntos, entre em contato e saiba mais.

Fique por dentro do meu trabalho pelo Youtube, Linkedin, Instagram e Facebook ou acesse minha página de produtos de serviços e conheça as diferentes formas de se aprofundar no assunto e se tornar um expert em vendas e empreendedorismo.