O mercado de vendas no Brasil é estratégico, afinal?

Essa é uma pergunta muito comum entre os vendedores, pois ao escolher trabalhar com vendas, todos querem saber se realmente podem fazer dessa profissão seu presente e seu futuro.

E ainda questionam-se se com a profissão de vendas é possível alcançar um patamar que viabilize a realização de todos os seus sonhos. Vamos lá.

Como saber, afinal, se vendas é o caminho que vale a pena ser seguido no nosso país?

Para ajudar a responder essa questão sobre o mercado de vendas, vale apontar alguns índices que descrevem a relação entre vendas e o cenário brasileiro.

vendas no Brasil

Vendas cresce no Brasil?

De acordo com dados divulgados pela Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas, a ABEVD, a World Federation of Direct Selling Associations (WFDSA) divulgou um ranking com os 10 mercados globais de vendas diretas em 2016, e o Brasil está na sexta posição.

O mercado brasileiro possui 5% do segmento de vendas diretas mundial e continua sendo o maior mercado da América Latina.

Além de figurar posições estratégicas, há outras ramos de vendas no Brasil que continuam crescendo como é o caso do e-commerce brasileiro.

Segundo pesquisa divulgada pelo PayPal o e-commerce no Brasil está amadurecendo e cresceu 9,23%.

Representa também 14,77% do total de lojas virtuais.

A expansão foi tanta que as vendas por e-commerce sairam de 3,54% para 5,46%, “o que equivale, atualmente, a 600 mil lojas online no país”, como reforça dados do PayPal.

Em 2016, eram 547 mil; Em 2015, 450 mil; Em 2014, 360 mil.

Ou seja, crescemos.

É importante lembrar que o crescimento de campos de atuação para vendas não subtrai um campo já existente, por isso, ver o e-commerce crescer não significa que outras formas de vendas irão ser suprimidas.

Dados do Marketing Sebrae contam que é um mito pensar que a internet vai por um fim nas vendas porta a porta, pois a humanização envolvida no processo de abordar um cliente ainda prevalece. Vendas diretas são responsáveis:

  1. Por um atendimento personalizado que dialoga com o cliente com a oportunidade de trocar informações de forma clara e direta.

  2. Criar um vínculo entre cliente e vendedor que pode ser cultivado em inúmeras outras vendas com aquele mesmo cliente – que pode fidelizar com você, vendedor

  3. Por incrementar o valor do produto ou serviço por meio das relações entre as pessoas.

    vendas no Brasil

Gerando empregos com vendas no Brasil

Em nota do Governo Federal, o setor de comércio e serviços é o responsável por mais gerar empregos no Brasil. E o ramo de vendas muito se enquadra nesse setor.

Ele ajuda a estabelecer competitividade e gera empregos qualificados, sendo propulsor de mais da metade do Produto Interno Bruto responsável também “pela maioria da geração dos empregos formais, segundo o IBGE”, aponta nota.

Quer mais? Neste ano, o Sebrae divulgou as tendências de negócios para se investir em 2017. Claro que todas incluem o ramo das vendas, não é? Confira a seguir quais são eles:

1. Negócios Digitais

Busy Jim Carrey GIF - Find & Share on GIPHY

A  primeira tendência contempla justamente o e-commerce que tanto mencionamos até aqui. O comércio eletrônico cresce, mas caso você, vendedor esteja interessado em uma consultoria online, também é possível.

Esse tipo de negócio não requer muito dinheiro e você ainda pode trabalhar de casa, gerenciando suas vendas e lucrando com isso.

2. Franquias

Awesomeness Salesman GIF - Find & Share on GIPHY

Com as franquias, você pode trabalhar em nome de marcas já consolidadas e articular o conceito que elas vendem.

Os quiosques entram para os tipos de negócio que são tendências em diferentes segmentos de venda e consumo de produtos, como  beleza, artigos esportivos, alimentação ou bebidas.

3. Alimentação Saudável

Salad GIF - Find & Share on GIPHY

Comida não deixa de ser vendida nunca. É um mercado atrativo e que representa bons resultados e retorno devido a preocupação e conscientização das pessoas em se preocupar com saúde e com o seu corpo.

4. Beleza e Cosméticos

Beautiful Beauty GIF - Find & Share on GIPHY

Esse setor além e reunir diferentes serviços, é procurado por todas as pessoas em diferentes faixas etárias e tem sido a porta de entrada para grandes negócios de venda de serviços.

5. Customização

Transparencies GIF - Find & Share on GIPHY

Customizar ou personalizar algo está tão em alta por validar a autenticidade de quem cria e de quem usa. É um negócio que exige vender bem e está no topo das tendências.

6. Consertos automotivos

Ferrari GIF - Find & Share on GIPHY

O Sebrae apontou que consertos automotivos também são tendência.

E que é um ramo propício para vendas de serviços, já que em cenários de crise, o brasileiro procurar reparar mais do que comprar, mas isso implica também, consumir e vender.

Bom, vendedor, agora que você já tem uma noção sobre o mercado das vendas no Brasil, não tem porque não continuar seguindo por este caminho.

Ele está incorporado a grandes setores que movimentam a economia e dá ao Brasil posições de prosperidade e crescimento.

Agora, quer saber como fazer o seu departamento de vendas ser mais atrativo? Veja aqui.

#OrgulhodeSerVendedor

Abraço

Sucesso e ótimas vendas